Investir em imóveis em 2021: entenda as vantagens!

A crise causada pela pandemia fez com que o governo adotasse uma medida que pudesse amenizar os problemas no mercado. A taxa Selic, caiu em meados de 2020 gerando um cenário ótimo para o setor imobiliário. Apesar do Governo ter decidido aumentar novamente o índice recentemente, ele ainda não chega nem perto do patamar de 14%, registrado há alguns anos. Com isso, investir em imóveis em 2021 é um dos melhores negócios. 

O mercado oferece inúmeras alternativas de investimentos para quem deseja fazer com que o dinheiro renda mais. Contudo, com a baixa na Selic, os rendimentos e os juros dos investimentos em renda fixa se tornaram menos lucrativos

Esse cenário reforça a visão de que investir em imóveis em 2021 é uma das melhores opções para obter retorno – sem contar a segurança desse tipo de negócio. Aliás, existem inúmeras vantagens em apostar no mercado imobiliário. Confira a seguir.

Vantagens de investir em imóveis em 2021 

Entre os mais tradicionais tipos de aplicação financeira, estão os investimentos imobiliários. De acordo com um estudo realizado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), 28,8% dos brasileiros são proprietários de imóveis. 

A mesma pesquisa aponta que a estabilidade e a segurança são os maiores estímulos deste tipo de aplicação, além da intenção de impedir quaisquer possibilidades de perdas financeiras.

Ou seja, investir em imóveis em 2021 há muito mais garantia, pois são considerados estáveis, aumentando a valorização. Isso é diferente do que ocorre com o mercado de ações, por exemplo, em que os riscos são maiores. 

Aliás, nesse mercado há uma volatilidade muito grande e que tem proporcionado muitas perdas. O Ibovespa que chegou a 119 mil pontos em janeiro de 2020, foi até 63 mil pontos em março do ano passado. No entanto, neste ano esteve em alta novamente, com 119 mil pontos no primeiro mês do ano. 

Por isso, há uma forte retomada de interesse no mercado imobiliário por grandes investidores, já que há muito mais segurança e retorno financeiro.

Mais lucro e valorização

Como já falamos anteriormente, investir em imóveis em 2021 é garantir mais lucro e valorização do recurso. Vale tanto para quem deseja ter o próprio lugar para morar quanto para quem deseja apostar em aluguel

Aliás, vejamos a pesquisa feita pela Abrainc (Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias). O estudo apontou que o rendimento de quem investe em imóveis foi de, em média, 15,3% ao ano na última década. Além disso, a valorização média de imóveis no mesmo período foi de 9,4% ao ano. Isso representa 44% a mais que os rendimentos da poupança.

Segurança financeira

Investir em imóveis em 2021 é sinônimo de segurança financeira. Isso porque todo mundo precisa de um lugar para morar, fazer compras, trabalhar, etc. E todas essas atividades precisam de um espaço para acontecer.

Ou seja, mesmo em uma crise econômica como a que estamos vivendo agora, a demanda por imóveis sempre vai existir. Além disso, ao comprar um apartamento ou uma casa, é garantida imunidade:

  • à quebra dos bancos;
  • ao congelamento pelo governo. 

Esses são riscos a que estão sujeitas as pessoas que investem na poupança, por exemplo. Por isso, investir em imóveis será sempre uma ótima opção. Inclusive, de acordo com o último Raio-X da FipeZap de Perfil da Demanda de Imóveis, 54% dos entrevistados pretendem comprar uma nova moradia e 46% dos possíveis compradores de imóveis afirmaram que a aquisição de um imóvel seria uma forma de investimento.

A mesma pesquisa apontou que, dos 46% de compradores de imóveis com foco em investimento, 72% deles pretendiam rentabilizar o ativo com aluguéis.

Como obter lucro investindo em imóveis?

Direcionar seus recursos financeiros para o mercado imobiliário – essa sempre foi uma ótima opção para quem deseja segurança e garantia de retorno financeiro, mesmo que no longo prazo. 

No entanto, não é somente com a compra e a venda de imóveis que se pode ganhar dinheiro. Existem diversas formas de lucrar com esse tipo de transação e garantir uma boa renda extra no curto prazo.

Locação long stay

Quer uma boa alternativa para aproveitar a baixa da taxa Selic e investir em imóveis em 2021? Trabalhe com locação long stay. Ou seja, um aluguel para estadias mais longas. Essa modalidade é muito utilizada para estudantes universitários, por exemplo. Também procuram por ela estrangeiros recém-chegados ao Brasil ou pessoas que precisam ficar mais de três meses em um local.

Locação short stay

A modalidade short stay é uma forma de locar um imóvel por uma curta temporada, geralmente menor que três meses. Inclusive, esse tipo de locação está bastante em alta no momento. Ela pode render até duas vezes mais do que trabalhar com uma locação normal – com longas estadias e contratos tradicionais de 12 meses. 

Essa locação atende, por exemplo, um público composto por executivos que costumam fazer viagens curtas para reuniões de negócios. Também é útil para pacientes que passam por tratamento, entre muitos outros tipos de locador

Ambas as opções são ótimas alternativas de retorno rápido e seguro ao investir em imóveis em 2021. A facilidade para o consumidor que busca um novo lugar para morar ou passar a temporada faz o negócio ser superatrativo. O interessado pode se instalar rapidamente no imóvel escolhido, levando apenas as malas.

A frequência de aluguel para essas modalidades pode ser ampliada com o cadastro do imóvel em ferramentas de aluguel online – como Booking, Airbnb e Alugar Temporada. Com isso, as chances de manter o local sempre ocupado e garantindo mais lucro são muito maiores. 

Não há dúvidas de que investir em imóveis em 2021 é uma ótima alternativa para garantir retorno e segurança no investimento. Aproveite para conhecer nosso empreendimento nesse formato, o Space Soul.

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Outros Posts
Empreendimentos
Fischer Dreams